Polo de Alverca

Em Alverca é visitável uma exposição que cresceu desde a sua inauguração em 1971. À semelhança do núcleo principal do Museu do Ar, em Sintra, pode-se acompanhar as origens da Aeronáutica Militar e da Aviação Naval, o Corpo Expedicionário Português (1917) as Esquadrilhas Expedicionárias a Moçambique e a Angola (1917-1918), no âmbito da I Grande Guerra. São igualmente dignas de referência as Viagens Aéreas transcontinentais dos Portugueses, nos anos vinte e trinta.
A coleção exposta na Sala dos Pioneiros ou Sala Edgar Cardoso recorda figuras relevantes da Aviação Portuguesa, através dos seus troféus, documentos, condecorações e outros objetos pessoais. Este acervo, legado ou doado constitui património inestimável do Museu do Ar.
O núcleo de Alverca expõe ainda uma coleção dedicada à presença da Força Aérea em África, durante a Guerra Colonial Portuguesa de 1961 a 1974. Expõe-se armamento de avião, uma coleção numismática, um helicóptero Alouette II e miniaturas de aviões contando a história da aviação nacional e internacional.

 

Núcleo de Alverca     Núcleo de Alverca     Núcleo de Alverca

 


Ver Museu do Ar - Pólo Alverca num mapa maior

Núcleo de Alverca, Largo dos Pioneiros da Aviação, 2615-174 Alverca
GPS: 38°53′26″N 9°1′55″W
Horário:
2ªfeira - 10h | 17h

 

Acessos vindo de:
Lisboa

Entrar na A1 (Lisboa - Porto) saindo em Alverca. Entrada de Alverca segue as indicações de Museu do Ar ou Estação da CP.

Margem Sul

Entra em Lisboa via Ponte 25 de Abril ou Ponte Vasco da Gama, entrando depois na A1 até Alverca, entrada de Alverca segue as indicações de Museu do Ar ou Estação da CP.

Zona de Sintra ou Oeste

Utilizar a A8 - A16, IC19, A9 (CREL) até Alverca, entrada de Alverca segue as indicações de Museu do Ar ou Estação da CP.